Como fazer a gestão de estoque de produtos em datas comemorativas?

Grande parte do desempenho de vendas depende disso


Como fazer a gestão de estoque de produtos em datas comemorativas?

O Dia das Mães está chegando, e o Serasa Experian traz dicas importantes de como gerir seu estoque e não sair no prejuízo. Confira:


Como fazer a gestão de estoque de produtos em datas comemorativas?


Não é de hoje que o gerenciamento de estoque nas empresas é um desafio. Na verdade, grande parte do desempenho de vendas depende disso.

Durante o ano inteiro, as companhias criam métodos e adotam tecnologias para aprimorar as operações e reduzir gastos e, principalmente, evitar que produtos fiquem parados. Contudo, esse desafio aumenta durante as datas comemorativas, como Natal, Dia das Mães, Dia dos Namorados, Páscoa, entre outras.

Somado a isso, temos o cenário econômico do país, em que a probabilidade de baixa nas vendas de produtos aumenta as chances de estoque parado. No Natal do ano passado, por exemplo, as vendas caíram pelo terceiro ano consecutivo e tiveram o segundo pior desempenho em 14 anos, segundo dados da Serasa Experian.

E não é só nas datas comemorativas que é preciso se preocupar com a gestão de estoque. Os materiais escolares, por exemplo, geralmente são vendidos entre os meses de janeiro e fevereiro, início do ano letivo. Após essa data, há uma queda significativa nas vendas.

Diante disso, a questão é: o que fazer com o estoque sazonal parado?

Vamos fazer duas leituras diferenciadas: produtos perecíveis e não-perecíveis. No primeiro exemplo vamos considerar as vendas de uma joalheria. Embora existam alguns projetos limitados, como temas de filmes, séries, festividades, as peças são produtos que possuem uma validade permanente. A forma de uma empresa dessas liberar o estoque é reduzindo o preço, dando algumas peças como brindes após um valor determinado em vendas etc.

No caso de flores, por exemplo, que são extremamente perecíveis o estoque deve ser controlado com muito mais pontualidade. Para ter uma ideia, a perda média desse tipo de produto gira em torno de 20 a 30%, dependendo do tipo de flor ou clima no qual são cultivadas.

Uma floricultura deve estar mais atenta ao controle do estoque e criar promoções, descontos e ações que estejam dentro do tempo de vida das flores, que é bastante curto. Por exemplo, após o Dia dos Namorados, devem criar cestas, combinação de presentes com chocolates, pelúcias ou bebidas para liberar aqueles produtos e não perder dinheiro.

"Todo esse material parado onera custos, seja de aquisição ou de operação, além de ocupar um espaço que poderia ser preenchido por outros produtos”.


Invista na gestão de estoque assertiva

Separamos algumas dicas de como fazer a gestão do estoque de produtos sazonais, confira:

1. Preveja o futuro. Não é preciso nenhuma bola de cristal. Basta se basear nas demandas passadas e análises de mercado para entender qual será a probabilidade de vendas para determinado período e se programar para atender a demanda sem que haja prejuízos. Os últimos resultados de vendas de datas comemorativas podem esclarecer o tipo de investimento a ser feito.

2. Controle a entrada e saída. Esse acompanhamento é imprescindível o ano todo, mas fica ainda mais indispensável quando se trata de estoques sazonais. Por isso, é preciso analisar de quanto será a necessidade de aumento de giro de produtos para aprimorar a gestão e também buscar fornecedores que atendam a demanda. Uma solução é utilizar a conhecida técnica de gestão de estoque PEPS (Primeiro que Entra é o Primeiro que Sai), que ajuda na administração dos ativos que possuem data mais antiga e precisam ter saída antes dos novos.

3. Invista nas ofertas e dê descontos. Aproveitar oportunidades para ofertar produtos que estão parados no estoque é uma solução bastante viável para o negócio. Após a Páscoa, por exemplo, é possível criar promoções, além de investir nos descontos para a compra dos ovos de chocolate. As empresas também podem se aproveitar de ideias que envolvem vantagens, como milhas, sorteios e bônus para determinados valores de compras.

Entender qual o cliente que pode se interessar por determinado tipo de produto em datas que estejam fora do planejado não é uma tarefa fácil. Por isso, é preciso estar atento ao mercado para saber qual o melhor momento de anunciá-lo. Pense nisso.






Blog Serasa Experian