Conheça o Comitê Socioeconômico

Órgão trabalha pela resolução da problemática social da região


Conheça o Comitê Socioeconômico

Criado em maio de 2012, com a realização do 1o Fórum Socioeconômico de Imperatriz, sob a liderança do Sistema Fiema e da Associação Comercial e Industrial de Imperatriz - ACII, o Co-mitê Socioeconômico tem como objetivo debater, discutir e propor soluções em prol do cres-cimento e desenvolvimento de Imperatriz, em conjunto com a sociedade civil organizada, com o objetivo de construir um Plano de Desenvolvimento de Imperatriz - PDI, através de reuniões ordinárias e extraordinárias. Ao Comitê Socioeconômico também compete:

- planeja, organiza, modera e avalia os trabalhos das câmaras temáticas, com foco nos resul-tados e nas diretrizes do CEMA;
- representar as câmaras temáticas perante sociedade civil organizada;
- articular-se com a iniciativa pública e privada em prol do crescimento e desenvolvimento so-cioeconômico de Imperatriz;
- promover o envolvimento de agentes econômicos nos planos, programas e projetos especí-ficos que visem ao desenvolvimento produtivo do Estado;
- contribuir para a implantação de um modelo de produção local focado na qualidade e produ-tividade, inovação e sustentabilidade, que valorize e respeite as vocações e esteja focado na melhoria da qualidade de vida das pessoas

A sistemática de organização do Comitê consiste na formação de câmaras temáticas compos-tas por grupos de cinco a dez pessoas. As temáticas básicas são Infraestrutura e Meio Ambi-ente, Educação e Cultura e Micro e Pequenas Empresas. O objetivo geral do Comitê Socioe-conômico, através das Câmaras temáticas, é subsidiar pautas, discutir, debater e propor solu-ções para a construção do Plano de Desenvolvimento de Imperatriz - PDI, envolvendo a inicia-tiva pública e privada, encaminhando reivindicações às autoridades competentes em questão e também subsidiando o Conselho Estadual do Maranhão para a promoção e acompanhamen-to de ações focadas no desenvolvimento produtivo do estado.
“O objetivo do Comitê Socioeconômico é entender como funciona cada dessas esferas soci-ais que as câmaras temáticas representam a nível de governo municipal, estadual e federal. Propor soluções práticas de execução e contribuir com a sociedade civil organizada. Depois traçamos um plano de desenvolvimento através dos estudos destas câmaras. Tanto a FIEMA quanto a ACII tem o papel de dar apoio institucional e apoio técnico-científico”, conta João Neto Franco, diretor das instituições FIEMA e ACII e coordenador da Câmara Temática de Educação e Cultura dentro do Comitê.
“A participação da ACII se dá no sentido de identificar causas e distorções de problemas da nossa cidade e região. Depois desse levantamento, apresentamos propostas sobre essas problemáticas. Elegemos cinco câmaras, cada um com temas específicos, para trabalhar nas respectivas áreas e apresentar soluções”, comenta o diretor regional da Secretaria de Indústria e comércio, também conselheiro fiscal da ACII e representante da entidade no Comitê Socioe-conômico. “O Comitê é um órgão privado, mas ele tem que atuar junto aos governos munici-pais e estaduais. Na verdade, os governos é quem são os responsáveis pela resolução dos problemas sociais, mas ele precisa da ajuda da comunidade, que pode transitar pelo Comitê Socioeconômico”, conclui Atenágoras Batista.
A seguir, algumas das ações realizadas e em andamentos no Comitê Socioeconômico, através das câmaras temáticas:

Câmara Temática de Educação e Cultura
• Visita à Secretaria Municipal de Educação - Semed para agendar reunião de trabalho.
• Reunião na Semed para apresentação da realidade da educação em Imperatriz no ensino fundamental.
• Propor soluções para entraves estruturais e culturais da educação.

Câmara Temática de Infraestrutura e Meio Ambiente
• Reunião com empresas e entidades participantes.
• Elaboração de documento ao DENIT para acompanhamento das obras de Duplicação da BR-010.
• Reunião com a Caema para discutir investimentos e melhorias na cidade.

Câmara Temática de Micro e Pequenas Empresas
• Reunião dia 15 de maio com empresas e entidades participantes.
• Proposta de elaboração de pesquisas setoriais para levantamento da informalidade na cida-de, inicialmente envolvendo os setores da indústria moveleira, de confecção, panificação e construção civil.
• Envolver Fiema, ACII, Sebrae, faculdades e institutos de pesquisa na realização de parcerias e convênios para pesquisas.

Entidades, empresas e instituições participantes:

- SINPANCIMP
- SIMETAL
- SINDUSCON DO OESTE
- SINDIMIR
- SICAM
- SINDCOM
- SINDICOMA
- Prefeitura de Imperatriz
- Câmara de Vereadores de Imperatriz
- SEBRAE
- SUZANO
- 50 BIS
- Corpo de Bombeiros de Imperatriz
- Ministério Público do Maranhão
- Fórum Ministro Henrique de la Roque Almeida
- CDL
- FEST
- UEMA
- FACIMP
- UFMA
- UNISULMA
- FAMA
- IFMA