Páscoa estimula o comércio de ovos de chocolate em Imperatriz

Vendas de ovos de páscoa aquecem o comércio no período da Quaresma até o feriado de 21 de abril.


Páscoa estimula o comércio de ovos de chocolate em Imperatriz

Após a passagem do Carnaval, o comércio de Imperatriz se prepara para a chegada da páscoa. Com pouco menos de trinta dias para o feriado, os supermercados e lojas especializadas em chocolates e associadas à ACII, já abastecem as prateleiras com ovos de páscoa para chamar a atenção dos consumidores.

O Grupo Mateus está com o estoque abastecido para receber os consumidores que procuram antecipar as compras dos ovos de páscoa. Além disso, a rede aposta na variedade de marcas e sabores nacionais com o intuito de fidelizar os clientes. Para o responsável do setor de compras de chocolate do Grupo Mateus, Antônio Lima, a economia está mais aquecida, por isso a empresa estima um aumento de 20% no volume de vendas. Para ele, a competitividade movimenta o comércio. “A nossa principal estratégia para atrair os clientes é a atualização de produtos. Além disso, a competitividade também interessa ao cliente. Então produtos de qualidade, com preços adequados, também atraem consumidores à empresa”, finaliza.

O empresário Francisco José Freire de Lima, gestor da franquia Cacau Show, localizada no Shopping Tocantins, espera um crescimento de 18% nas vendas em comparação ao mesmo período do ano passado. A justificativa para essa projeção se deve a confiabilidade do cliente no mercado, somadas a estratégias de marketing da empresa. “Foi feito um trabalho de mídia local e nacional, onde todos clientes estão sendo impactados. Além disso, com o fortalecimento da nossa marca, e a popularização dos produtos, o consumidor encontra ovos de chocolate com um preço acessível, apresentando o mesmo controle de qualidade de produtos com valores mais elevados”, aponta.

O empresário Waleis Oliveira, proprietário da Casa do Panificador, explica que as vendas de produtos típicos da páscoa ainda estão tímidas, mas, há expectativa no aumento, visto que a empresa deve antecipar promoções, além de explorar novos nichos de mercado. “Estamos sempre buscando novas parcerias, principalmente no mercado internacional. Como por exemplo, importando produtos da Ásia, relata o empresário.

PROJEÇÃO NACIONAL

Segundo a Associação Brasileira de Indústrias de Chocolate, Amendoim e Balas (Abicab), a produção de ovos de páscoa ultrapassou 11 mil toneladas em 2018, 26% maior que o número registrado no ano anterior. A expectativa no crescimento da produção estimula o otimismo do mercado para 2019.